sexta-feira, 4 de janeiro de 2013

João de Deus - sátira






Como o poeta João de Deus olhava satiricamente o rotativismo monárquico.

ELEIÇÕES

Há entre el-rei e o povo
Por certo um acordo eterno:
Forma el-rei governo novo,
Logo o povo é do governo
Por aquele acordo eterno
Que há entre el-rei e o povo.
Graças a esta harmonia,
Que é realmente um mistério,
Havendo tantas facções,
O governo, o ministério,
Ganha sempre as eleições
Por enorme maioria!
Havendo tantas facções,
É realmente um mistério!

.